Meu dia com a neta de Marlon Brando em Tetiaroa

Brasil à Francesa

“Eu me chamo Tumi, eu sou sua guia naturalista”.

DSCN9308 Tumi, Guia naturalista da Associação Te Mana O Te Moana

A bela e muito simpática Polinésia, que faz parte da associação de proteção Te Mana O Te Moana,  conhece cada pedaço de coral do átol de Tetiaroa e adora mostrar aos visitantes a fauna e a flora desse paraíso familiar. Adquirido logo depois do filme “Os amotinados do Bounty”, pelo famoso Marlon Brando em 1966 para ser seu refúgio pessoal, o átol – lindo de tirar o fôlego – acolheu há menos de um ano um deslumbrante resort de luxo idealizado seguindo o sonho do ator: impacto “carbon zero”, proteção maximum desse frágil meio ambiente e modelo ecológico para as ilhas da Polinésia.

Uma experiência ecológica fora do comum

Começamos a excursão da lagoa explorando um dos 12 motus (ilhotas em polinésio): o motu Reiono, um dos raros motus tendo uma mata primaria…

Ver o post original 427 mais palavras

Deixar comentario

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s